"O passado não reconhece o seu lugar... está sempre presente."
( Mário Quintana )
Vassourando - ativo desde 17/05/2007.

Escravos da beleza

By Bruxx
Clique na imagem para ampliar

Espelho, espelho meu...!!!

Você já ouviu falar em Dismorfia ??
Não?
Então eu te explico...
Dismorfia é uma doença psicológica caracterizada pela distorção na concepção de corpo perfeito.
Tendo variantes, a dismorfia corpórea, que afeta em maior parte as mulheres, e a dismorfia muscular, que tem sua maior incidência em homens.
Entre suas causas está a grande exibição de figuras físicas padronizadas em meios de comunicação.

Mas, vamos falar, da dismorfia corpórea... a dismorfia muscular, fica para outro post.
Eu estou impressionada com, o número de mulheres e homens, que vem se mutilando em busca da "perfeição".

As vezes, são detalhezinhos, imperceptíveis... detalhes que só a pessoa vê.
Êêêh espelho maldito !!!???

Os sacrifícios, à que se submetem, são estarrecedores.
Horas em clínicas de estética colocando, sabe-se lá Deus o quê, no corpo e no rosto.
A jornalista, Glória Maria, está tomando sopa de ninho de passarinho... é mole?

Vai chegar o dia em que, algum esteticista, vai dizer que "merda é bom pra rejuvenescer"... pronto!!
Vai faltar CU (músculo esfinctérico regulador da saída das fezes), para produzir matéria-prima... quer apostar?
Sem contar as inúmeras cirurgias plásticas... que transformam suas vítimas em verdadeiros andróides... nesse caso, homens e mulheres.
Basta ver a cara (cara??) do Xororó pai da picolé-de-chuchu Sandiléia e do menino mimado metido a bad-boy Junior.
E o que dizer do monstro mega-astro Michael Jackson???

Que perfeição é essa, que tanto se procura?
Cada dia é uma busca... uma busca interminável.

Quanto às mulheres, nem vou me dar ao trabalho de citá-las... já que, estão na mídia, o tempo todo.
Taí a Angela Bismarchi, aquela que não matou, o marido,Ox que não me deixa mentir.
Depois de, 2.564.387 cirurgias, até a "perseguida" ela vai reconstituir... é, ela quer ser mocinha, de novo.

Olha um exemplo, bizarro, do antes e o depois... Santa falta de neurônios !!
Clique na imagem para ampliar


E, na foto abaixo, a arte de saber envelhecer:
Clique na imagem para ampliar

Gente!! Acorda!!!
O que esse povo precisa é de, uma lobotomia, urgente.

Ame-se, aceite-se, envelheça com dignidade... encare a realidade.
A gente nasce, cresce, envelhece e morre, desde que o mundo é mundo... simples assim.
Nada contra a vaidade... mas, totalmente contra, a falta de amor-próprio.
Não confunda: amor-próprio com narcisismo.

Vai ter gente querendo me queimar viva, na fogueira... nem ligo.
Ah sim... e antes que me chame de invejosa, vou te falar uma coisa...
Estou prestes a completar 45 anos... tenho seios flácidos e ruguinhas no rosto, sim.
Mas, com muito orgulho, viu.
Valeu muito a pena... amamentei meu filho, doei leite para filhos que não eram meus... e, cada ruga do meu rosto, é uma página da minha história.
E... estou muito bem, obrigada!

"Adoramos a perfeição, porque não a podemos ter; repugna-la-íamos, se a tivéssemos. O perfeito é desumano, porque o humano é imperfeito." (Fernando Pessoa)


9 Comente aqui :

Victor S. Gomez vassourou...

O padrão de beleza global é o que manda, mas nem todos podem ser como os modelitos globais. Abraços

simplesmenteiza vassourou...

Este texto é ótimo em matéria de informações para as mulheres.

O que tenho a dizer é que as mulheres precisam gostar delas como são.

Um exemplo: eu sou gordinha, o marido é magro e quis ficar comigo mesmo assim...
Não tenho complexo quanto ao corpo, gosto do meu corpo como é. E do alto dos meus quarenta anos posso entender quando dizem; a vida começa aos quarenta.

Eu vejo tudo isso como desfiguração do próprio corpo.

Beijos!

::Gri Bongiovi:: vassourou...

Eu tenho crises de risos com as suas rasuras!!! kkkkkkkkkkkk
Mas é isso aí Bruxx!!! Eu também penso como vc e acho que na velhice existe sim a beleza! Aliás, conheço muitas pessoas que ficaram muito mais bonitas depois de envelhecer do que quando eram jovens!!!
Ninho de passarinho foi hilário!!! hahahaha... A que ponto chega a falta de limite das pessoas, heim? kkkkkkkkkk

::Gri Bongiovi:: vassourou...

Eu tenho crises de risos com as suas rasuras!!! kkkkkkkkkkkk
Mas é isso aí Bruxx!!! Eu também penso como vc e acho que na velhice existe sim a beleza! Aliás, conheço muitas pessoas que ficaram muito mais bonitas depois de envelhecer do que quando eram jovens!!!
Ninho de passarinho foi hilário!!! hahahaha... A que ponto chega a falta de limite das pessoas, heim? kkkkkkkkkk

Anônimo vassourou...

Eu sofro de dismorfia. Faço análise há 7 anos, e eu já cresci muito, amadureci. Mas infelizmente, meus problemas de auto-avaliação estão tão enraizados, tão profundos, que ainda - AINDA - não consigo me curar. Já tive 1 crise que quase me levou ao suicídio, e um único momento de 2 horas de pânico, recentemente. Não é facil você se olhar no espelho e enxergar-se distorcido. Sou um homem bonito, jovem, bem sucedido, mas tenho problemas com a minha auto-imagem. E não adianta as pessoas me dizerem ao contrário. Já fiz rinoplastia - até aí foi um processo saudável. E agora, estou há 15 dias tentando me recuperar, com muito, mas muito sofrimento, de uma inflamação que tive no músculo do peito, por conta da aplicação de um produto para crescimento do músculo, indicado para animais. Infelizmente isso é uma doença, e o pior é que não vejo a hora de me recuperar para poder fazer novamente. Não durmo há 10 dias, vou ao hospital quase todos, e a inflamação arde como fogo. Mas é o preço. Concordo que devemos nos aceitar, nos amar, e que o mundo é cada vez mais um lugar dificil devido às imposições. Mas saibam que algumas dessas pessoas são doentes. Taí Michael Jackson. Tratem-nos com amor, compreensão, e não com julgamentos.

Bruxx vassourou...

Oi Anônimo, como vai?
Meu caro... talvez você não tenha lido o texto inteiro.

Observe um dos trechos:
"Eu estou impressionada com, o número de mulheres e homens, que vem se mutilando em busca da "perfeição".

Agora pare e reflita um pouco.

Fui uma adolescente diferente das minha amigas. Eu não tinha cabelos bonitos, roupas da moda nem corpão.
Muito pelo contrário... era pobre, me vestia com simplicidade... não podia me dar ao luxo de ostentar vaidade.

Vou te contar um segredo...
Isso nunca me impediu de ter os melhores amigos, de ser paquerada e, de ser bem quista, onde quer que eu fosse.
Sabe por quê?
Porque eu compensei a minha falta de atributos, desenvolvendo simpatia.
Sempre fui uma pessoa de bem com a vida... mesmo com as inúmeras adversidades que enfrentei.

Todos gostavam da minha companhia, porque eu exalava alegria.
E, cá pra nós... ninguém gosta de ficar perto de pessoa rabugenta, que reclama de tudo e de todos.

Eu não sei a sua idade mas, sei a minha.
Tenho hoje, 47 anos... não sou bonita, nem tenho padrão de corpo estabelecido pela mídia.
Mas tenho cabeça, tronco e membros... são perfeitos... não me falta braço, perna e não tenho nenhuma deficiência física.

Isso me basta.
A minha beleza, está no que eu quero pra mim... a felicidade.
Sem a neurose ou ilusão de que isso se encontra do lado de fora.
A idade vai chegar, não adianta lutar contra ela.
E a minha, eu quero encarar como vejo uma árvore.
Ela nasce, cresce, floresce, envelhece e morre.
Simples assim.

Quanto ao Michael Jackson (meu ídolo), ele era doente sim.
Ele buscava nas cirurgias, o que faltava dentro dele... morreu sem encontrar, uma pena.

E, para finalizar...
Eu não julgo nada, nem ninguem.
Eu abordo temas que considero relevantes, sobre coisas que aprendí a enxergar, ao longo do tempo.
A minha opinião não deve ser levada em conta, qaundo você tem a sua.

É isso que chamamos de liberdade.
Cada um com a sua consciência.

Um grande abraço.
Espero que você obtenha sucesso no seu tratamento.

Grata pela visita, seja sempre bem vindo!

Anônimo vassourou...

Olá Mirian,

O meu texto só foi expressado com o intuito de mostrar que muitas vezes - na maioria, eu acho - existem dores e complicações internas que nos levam para este caminho. Questões profundas.

O ser humano não é apenas 1 + 1 = 2. O ser humano é complexo. E eu sou uma pessoa que busca o crescimento interno, apesar de ter esta questão a ser resolvida.

Somente para complementar a sua resposta, sou uma homem altamente bem relacionado, sempre tive amigos e colegas, sou divertido, bem humorado, feliz com minha vida e minha profissão, mas reiterando: tenho problemas. Sofro desta distorção da auto-imagem e tento me curar.

"(...) o humano é imperfeito".

Mas é isso. Parabéns pelo blog, pelo texto e obrigado pela resposta.

Outro abraço grande,

Bruxx vassourou...

Meu caro Anônimo, tudo bem?

Entendí perfeitamente a intenção do seu texto.
Aliás, te parabenizo pela coragem e, mais do que isso... a confiança em compartilhar esse seu momento tão difícil... lembrando, inclusive, o quanto ele pode ser útil para outras pessoas que enfrentam o mesmo problema que você.

Realmente, dores internas, traumas, experiências ruins e, demais correlatos, interferem em vários setores da vida.
Não tenho dúvidas de que você é bem relacionado e as demais coisas que citou... é fácil de perceber isso, nas suas palavras.
você é uma pessoa bem articulada, centrada e inteligente.

O fato de você buscar o crescimento interno, já é 60% do caminho andado.
Em todo problema, o primeiro passo, é reconhecer que ele existe e querer lutar.

Estou certa de que você está bem perto de resolver essa questão.
Tente se concentrar em quando esse problema surgiu... como ele apareceu... em que momento da sua vida, ele passou a ser forte a ponto de impedir a sua felicidade.
Se você descobrir, pode ser que obtenha a solução ou, ao menos, parte dela.

Concordo com você, quando diz:
"(...) o humano é imperfeito".
Estamos muito longe da perfeição.

Adorei que você tenha voltado aqui.
Volto a dizer, eu não o julgo... sei que alguns problemas são maiores do que nossa capacidade de enfrentá-los.
Estou na torcida por você... espero, sinceramente que, num futuro muito breve, você me relate o progresso da resolução do seu problema.

Mas olha, não deixe de aparecer.
Talvez esse blog não seja tão atrativo, por se tratar de "velharias".
Mas é um cantinho onde você pode relembrar o que foi marcante ao longo do tempo.
E, se não são coisas da época que você viveu... vale para conhecer o que nõs (os quarentões de plantão), tivemos o privilégio de viver.
Sinta-sem casa, se acomode, seja sempre bem vindo!

Outra coisa, não me veja como dona da razão, hein.
Eu apenas divago em situações que, um dia, já foram problema pra mim... e, hoje, compartilho para que as pessoas possam enxergar que é possível dar a volta por cima.
Nada é definivo.
Você vai encontrar as respostas, aí mesmo, dentro de você.
O processo é lento, dolorido, mas não é impossível.

E, se eu puder ajudar de alguma forma, mesmo como "ouvinte", me coloco à sua disposição.

Obrigada pelos elogios.
Beijokinhas repletas de energias azuis e boas vibrações.

Anônimo vassourou...

Simplesmente linda sua re-resposta. Cheia de tudo o que eu admiro.

Muito obrigado, e um grande beijo.

Postar um comentário

Olá, Vassourante... bem vindo (a)!
Se você se identificou, se emocionou ou se divertiu com essa postagem, deixe o seu comentário.
Grata pela visita, volte sempre!