"O passado não reconhece o seu lugar... está sempre presente."
( Mário Quintana )
Vassourando - ativo desde 17/05/2007.

Saber envelhecer

By Bruxx
Por que a velhice assusta tanto?

Envelhecer bem é saber lidar com sabedoria e serenidade, com as circunstâncias da vida.
Uma boa alternativa para encarar a velhice com bons olhos é aceitar-se, entender a vida como ela é, e respeitar os outros como na verdade são.

Saber envelhecer - vassourando
Envelhecendo com dignidade...

Há algumas décadas éramos apenas jovens cheios de sonhos, coragem e desafios para enfrentar, e o mundo estava aos nossos pés!
Mas estamos envelhecendo e ganhando mais vida.
Hoje temos a experiência acumulada e a sabedoria do viver.
Reavaliamos nossos projetos de vida e o tempo está nos vencendo.
Olhamos à frente e vemos a projeção de nossos pais e avós.
Somos o elo de uma corrente que se renova, inexoravelmente, em nossos filhos, em nossos netos, ininterruptamente.
Precisamos reportar-nos ao passado para projetarmos o futuro.
Somos parte de uma cadeia que se multiplica a cada instante.
Vencermos os medos, superarmos obstáculos, aceitar nossos limites é o objetivo.
Nunca mais a velhice deverá ser sinônimo de solidão, doença e morte, mas motivação, alegria, companheirismo e afeto, são as novas escolhas.
Envelhecer com dignidade é nosso desafio, sermos a memória viva, recordar e transmitir nossas vivencias é um processo saudável do envelhecer.
Esse será nosso legado para as futuras gerações.
A morte ???
Será só mais uma etapa...!!!

2 Comente aqui :

Mariliza Silva vassourou...

Até que enfim te achei!!!
Não estava conseguindo entrar no seu blog, agora vi porque...

e que delicia está aqui!

Vou te linkar corretamente e voltarei com mais calma, ok!

Beijão
Mariliza

Claudia Lis vassourou...

Olá Bruxx,

Gostei muito desse post, pois costumo conversar sobre esse assunto na minha casa. Pessoas mais velhas têm muita experiência para transmitir e sobre uma época em que os valores morais eram mais levados em consideração.

Beijos

Postar um comentário

Olá, Vassourante... bem vindo (a)!
Se você se identificou, se emocionou ou se divertiu com essa postagem, deixe o seu comentário.
Grata pela visita, volte sempre!