"O passado não reconhece o seu lugar... está sempre presente."
( Mário Quintana )
Vassourando - ativo desde 17/05/2007.

Esse cantinho Vassourando

By Bruxx
Esse cantinho - Vassourando
Vassourando, esse cantinho.
Recordar o passado, é ter histórias pra contar...
Imagina... passar a vida em branco ???
Deve ser horrível, né?
Bom é lembrar da infância, da puberdade, o primeiro beijo., aquela música que marcou...
Tanta coisa boa... tanta coisa ruim... o que importa?
O gostoso, é saber que, sempre é tempo, pra matar as saudades

A idéia de criar esse "Cantinho Bolorento" surgiu para que, aqueles que viveram sua infância nos anos 60 e 70, possam relembrar dessa época de ouro... pois esse foi uma época ímpar no quesito infância e pré-adolescência, uma era onde podíamos unir o antigo e o novo tranquilamente.

Podíamos, diferentemente dos nossos pais e avós, brincar de esconde-esconde, pique bandeira... etc... ou de rodar pião no recreio... contrariamente as crianças da atualidade, cujas mentes estão muito mais fortemente influenciadas pela tecnologia pós-moderna: celulares, navegação web, e-mail e tantas outras coisas.

É quase como se, hoje em dia, os pequenos precisassem desses aparatos todos para alcançar a felicidade.
A cada dia que passa, as brincadeiras do passado se perdem nos meandros do tempo.

O texto acima, não é meu.., foi adaptado.
Mas tem tudo a ver, com o que eu queria transmitir.

Minhas considerações:
Claro que não posso deixar de citar os fantásticos brinquedos que foram a alegria dessa doce infância a qual me refiro... que serviram para aguçar a imaginação da turmainha: os carrinhos de plástico, as bonecas, trenzinhos... muito embora lembrando que os brinquedos eram muito caros... e poucos tinham condições de tê-los... então... ou brincava com o brinquedo do (a) coleguinha... ou improvisava.

É, amigos...
Essa época deixou saudades pra quem foi criança ou pré-adolescente.

Como se vê... a criança que viveu nesse período foi feliz... nenhum de nós era alienado às novidades tecnológicas como são as crianças de agora.

Essa é a chave, a meu ver, que classifica esses anos 60 e 70 como uma época genuinamente interessante, a despeito de todo saudosismo que a cerca.
A ingenuidade da garotada, também, é um dos pontos marcantes do período.
A gente era criança no sentido pleno da palavra.

Foi por esse motivo que, procurei trazer nesse "cantinho", um pouco de tudo isso para que recordemos momentos felizes.
E para que, aqueles que não viveram essa era de ouro, saibam o porque esta época foi mágica.

Beijokinhas da Bruxx

Que saber como era a infância nos anos 60, 70, 80 ???
Assista o vídeo e viaje no tempo!!!

Bons tempos... direto do caldeirão...!!! tags: coisinhas, brinquedos, brincadeiras, passado, infancia, bonecas, carrinhos, escola, comerciais, propagandas, seriados, saudade, recordacao, novelas, series, musicas, filmes, videos, antigos, curiosidades, imagens, dicas, lembrancas, seriados, programas, desenhos. Sobre a Autora:
Bruxx Bruxx é autora do [Vassourando]. Casada, mãe e aposentada na área da Saúde. Seu interesse é compartilhar,  tudo o que foi marcante, ao longo do tempo.  Leia mais sobre a autora --> aqui.

2 Comente aqui :

Claudio Flash Back vassourou...

Boa tarde minha cara BRUXX!!!

Faço minhas todas essas suas considerações!
Sabe BRUXX, eu não passo um dia, sem recordar algum momento mágico, vivido na minha infância ou adolescência.

Relembrar algum dia que foi especial ou algum aroma, ou algo - um chiclete, um boletim escolar, uma embalagem de bombom, um dia chuvoso, uma série antiga, qualquer coisa assim... - que nos remeta, de alguma forma a algum momento de nossa vida, que tenha sido marcante... é como se voltassemos no tempo, e, revivêssemos tudo aquilo!! Para mim é um verdadeiro deleite!!!

Apenas para exemplificar, quando ouço "Manhãs de Setembro", com a Vanusa, ou "Hoje", com o cantor Taiguara, me lembro das manhãs em que eu ia empinar quadrado, ou pipa... ah! que saudades...!

Por isso, este vídeo traduz bem o que foi nossa geração. Éramos felizes e sabíamos...

Abraços
Azul e em muitos tons!!
Claudio Flash Back

Bruxx vassourou...

Olá, Claudio Flash Back!

Eu não me canso de repetir, o quanto o passado me é tão presente.
É graças a ele, que o meu caráter se formou... exatamente, por saber de onde vim, das minhas raízes.
Muito embora (como já comentamos), alguns momentos tenham sido difíceis (mas, a maioria foi ótima), eles foram fundamentais e imprescindíveis para definir quem somos hoje.

A forma como nos socialízávamos com as outras crianças... a nossa tolerância com as diferenças... não enxergávamos cor, credo, posição financeira nem cultural... naquele momento, éramos todos iguais.

O que se via, era um amontoado de crianças (meninos e meninas) brincando juntos... o rosto corado e suado de tanto correr nas mais diversas brincadeiras.
À nós, pouco importava o preço do feijão... ou, à quantas andava, o índice da inflação.
Éramos crianças felizes.

Nossos pais nos poupavam de ver as notícias da tv, justamente, para preservar a nossa inocência.
Até alguns programas e novelas, com suas restrições, era"proibido" por terem cenas e sinopses, incompatíveis com nossa idade.
Cada coisa à seu tempo.
Dessa forma, não éramos mini-adultos.

Tenho pena das crianças que são reféns dos problemas dos pais.
Falam deles, com uma propriedade incrível... descrevendo cada frase de uma discussão.
Crianças que são subornadas com presentes caros (alguns sem nenhuma expressão), cuja finalidade é amenizar a tristeza da ausência dos pais.

Eu sei que vivemos em uma época que, a mulher trabalha (eu trabalhei minha vida inteira).
Mas, sempre determinei um tempo para que meu filho não se sentisse "de lado", desprezado.

Eu me refiro à ganância de adquirir bens... deixando passar o período mais lindo de um filho, que é a infância.
É só observar o quanto os "pequenos" e adolescentes, vivem numa revolta sem motivo aparente.

Alguns dizem:
- Como pode, ele tem de tudo...!

Será que esse "tudo" é, realmente, o que ele precisa?

Ouso dizer que a tendência é piorar.
Quando vejo crianças de 4, 5 anos, na escola... aprendendo inglês, computação...
Virando adultos, cada vez mais cedo.

Nossa !!!
Me empolguei na explanação.
Mas é que esse tema, realmente me absorve.

Quanto as músicas que você citou, eu também tenho minhas lembranças.
"Manhãs de Setembro", eu me sentava no batente da janela e ficava horas, cantando essa música (até alguém reclamar).
"Hoje" cada vez que a ouvia, ficava imaginando essa música, para o dia corrente... e pensava:
- Todo dia essa música é Hoje, poruqe não é ontem, ou antes de ontem?

Olha que idéia... rsrrs
Coisa de Bruxx

Obrigada, Claudio... por cada lembrança compartilhada.
Um doce beijo com carinho, com todos os azuis!

Postar um comentário

Olá, Vassourante... bem vindo (a)!
Se você se identificou, se emocionou ou se divertiu com essa postagem, deixe o seu comentário.
Grata pela visita, volte sempre!